oftalmologia pedriática

Oftalmologia pediátrica: cuidando dos olhos das crianças 

A oftalmologia pediátrica é uma subespecialidade da oftalmologia que confere cuidados e tratamentos específicos para crianças e adolescentes. 

É uma área crescente, principalmente nos últimos anos, onde notamos mais crianças desenvolvendo problemas de visão e também pais mais preocupados em tratar qualquer tipo de problema logo na primeira infância, evitando complicações futuras. 

Segundo dados do Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO), cerca de 20% das crianças têm algum problema visual. Além disso, a visão é um dos principais sentidos do corpo humano e essencial para o desenvolvimento das crianças, sendo responsável por aproximadamente 80% de tudo que elas aprendem. 

Por isso, é fundamental que elas visitem o oftalmologista pediátrico pelo menos uma vez ao ano, ainda que os pais não tenham observado qualquer alteração.

Problemas visuais mais comuns na infância 

Alguns problemas visuais são mais comuns entre crianças e adolescentes e devem ter uma atenção maior dos pais e dos médicos especializados em oftalmologia pediátrica. 

Miopia 

A miopia ocorre devido a um erro refrativo do olho, dificultando que a criança enxergue objetos distantes.  

O tratamento para miopia em crianças inclui o uso de óculos e lentes de contato. Ao chegar na idade adulta é possível realizar uma cirurgia de miopia, que corrige o erro refrativo e permite deixar de lado o uso de óculos ou lentes. 

Hipermetropia 

Todos os bebês nascem com hipermetropia devido ao tamanho ainda não ideal do globo ocular, mas com o tempo, ele cresce e este distúrbio é corrigido.  

No entanto, em alguns casos, o desenvolvimento não é completo e a hipermetropia persiste.  

Ao contrário da miopia, a hipermetropia dificulta a visão de perto, assim, crianças com essa condição apresentam dificuldade na focalização à leitura por exemplo. A hipermetropia pode vir acompanhada de sintomas como lacrimejamento, vermelhidão ocular, dor de cabeça e etc. 

Estrabismo 

O estrabismo, popularmente conhecido como “olhos vesgos” é caracterizado pela perda do paralelismo dos eixos visuais, fazendo com que os olhos fiquem desalinhados. 

O tratamento do estrabismo em crianças pode incluir o uso de tampão para estimular a musculatura do olho mais fraco, utilização de óculos e até cirurgia para correção do desvio ocular. 

Conjuntivite alérgica 

A alergia é comum em crianças e pode estar relacionada a poeira, ácaro, pólen, pelo de animais, mudanças climáticas e doenças como asma, rinite e dermatite.  

A conjuntivite alérgica é o tipo mais comum de alergia ocular em crianças, apresentando sintomas como vermelhidão, inchaço nas pálpebras, sensibilidade à luz e lacrimejamento excessivo.  

Apesar de ser uma doença comum, é importante levar a criança ao oftalmologista para receber o diagnóstico e tratamento adequado. 

Catarata Congênita 

A catarata congênita é responsável por 10% dos casos de cegueira infantil. Quando diagnosticada exige tratamento imediato, através de cirurgia, para a rápida recuperação da capacidade visual da criança. 

Glaucoma Congênito 

Considerado uma urgência oftalmológica que exige tratamento cirúrgico imediato, pois se não tratado a tempo pode levar à cegueira. O aumento da pressão ocular é o principal fator de risco para o desenvolvimento dessa doença. 

Retinoblastoma 

O retinoblastoma afeta a retina, sendo o tipo de câncer ocular mais comum em crianças.  

O principal sinal do retinoblastoma é a leucocoria, que é um reflexo branco na pupila, vulgarmente conhecido como reflexo do olho de gato, presente em 90% dos casos. 

O tratamento depende do tamanho e da localização do tumor, bem como da idade da criança e da extensão da doença 

Sinais que podem apontar problemas de visão nas crianças 

Para garantir cuidados básicos com a saúde ocular das crianças, é importante que nos primeiros meses de vida, os pais levem seus filhos ao oftalmologista para o primeiro exame. 

Ele pode indicar a presença de problemas oculares assintomáticos, como a ambliopia (olho preguiçoso), por exemplo. Outro exame realizado logo na primeira infância é o TRV (Teste do Reflexo Vermelho), capaz de identificar diversos distúrbios precoces da visão, como catarata congênita e tumor ocular, entre outros.  

Além disso, os pais também devem ficar atentos a outros sinais que podem indicar problemas de visão na criança. 

  • Desempenho escolar ruim 
  • Dificuldades em acompanhar objetos 
  • Ficar muito próximo de objetos para conseguir enxergar 
  • Coçar os olhos constantemente 
  • Lacrimejamento persistente 
  • Visão embaçada ou dupla 
  • Dores de cabeça ou dor nos olhos 
  • Vermelhidão ocular 
  • Levar tempo maior do que o normal para concluir a lição de casa 
  • Pular uma linha quando está lendo um texto 
  • Sensibilidade à luz (fotofobia) 
  • Fechar um dos olhos para conseguir enxergar 
  • Inclinar a cabeça para ler ou ver TV 

Oftalmologia pediátrica de qualidade: onde encontrar? 

Para cuidar bem da visão das crianças é essencial o suporte de uma clínica de oftalmologia pediátrica especializada. 

Aqui no COI, grande parte do nosso corpo clínico é composto por oftalmopediatras, com experiência e paciência para atender as crianças de todas as idades. 

Venha conhecer o COI Kids, programa exclusivo de prevenção ocular infantil com atendimento especializado e altamente qualificado.  

Aqui pensamos em tudo para oferecer o melhor em atendimento e conforto ao público infantil e confiança aos pais. 

Além do atendimento especializado, temos um espaço pensado exclusivamente para os pequenos, com brinquedos e móveis adaptados, onde as crianças podem aguardar a consulta brincando e desenvolvendo suas habilidades. 

Agende agora a consulta dos seus filhos! 

Revisão médica: Dr. Celso Lopez

Médico oftalmologista

CRM 75275

Receba nossas novidades

Inscreva-se gratuitamente em nossa newsletter.

Inscrever

Ao inscrever-se você está de acordo com as Políticas de Privacidade e Termos de uso.

Posts recentes:

Com o progresso da oftalmologia ouvimos falar cada vez mais sobre cirurgia refrativa. No entanto,

A oftalmologia pediátrica é uma subespecialidade da oftalmologia que confere cuidados e tratamentos específicos para

A degeneração macular relacionada à idade (DMRI) é uma doença ocular que afeta a parte

Agende uma Consulta
Agende agora mesmo uma avaliação oftalmológica.