Lentes intraoculares

O que são lentes intraoculares e quando são utilizadas?

A oftalmologia avança rapidamente, desenvolvendo a cada dia novos tratamentos e procedimentos para resolver ou minimizar os problemas de visão. As lentes intraoculares, também conhecidas como LIOs, estão nessa lista de inovações médicas. A principal indicação do uso delas é para pessoas submetidas à cirurgia de catarata, independente do estágio. Contudo, a técnica também passou a ser usada para correção de erros de refração, principalmente para pessoas com graus elevados de miopia e astigmatismo.

A seguir, você vai entender melhor o que são lentes intraoculares, a diferença com relação às lentes de contato e quando você poderá se beneficiar com o uso das mesmas

O que são lentes intraoculares?

A lente intraocular (LIO) é uma espécie de lente artificial inserida no interior do olho, para ficar no lugar do cristalino (a lente natural do ser humano), quando ele está opacificado. O cristalino é substituído por uma peça pequenininha, que cabe na ponta de um dedo, a lente intraocular. Mas, ao contrário dos óculos, que podem ser trocados, elas melhoram a capacidade visual de forma definitiva, sem a necessidade de troca. Atualmente existem diversos tipos de lentes intraoculares.

Diferenças entre lentes de contato e intraoculares

Diferente das lentes de contato, as lentes intraoculares são implantadas no lugar do cristalino opacificado, recuperando a visão e corrigindo de maneira definitiva os problemas de refração.

Elas são feitas de material plástico biocompatível, que se adéqua perfeitamente aos olhos.

Sua implantação é feita por meio de uma cirurgia de alta tecnologia e precisão sob anestesia local.

Já as lentes de contato têm caráter corretivo, como o dos óculos de grau, melhorando a visão, porém, sem corrigir de forma definitiva. Outra diferença é que as lentes de contato são usadas de maneira externa, e devem ser trocadas periodicamente.

Quais os tipos de lentes intraoculares

Existem diversos tipos de lentes intraoculares, que devem ser escolhidas pelo médico oftalmologista de acordo com a situação. Conheça alguns:

Lentes intraoculares monofocais não tóricas

São lentes que corrigem a visão em uma única distância, geralmente para a visão de longe. É a opção mais frequente para a substituição da lente natural durante a cirurgia de catarata, pois são altamente previsíveis e proporcionam uma visão clara e nítida a longas distâncias.

Lentes intraoculares monofocais tóricas

São lentes que corrigem a visão em uma única distância, mas que também corrigem o astigmatismo. As lentes tóricas têm uma forma especial que ajuda a compensar a curvatura irregular da córnea, melhorando a nitidez da visão.

Lentes intraoculares multifocais

São lentes projetadas para corrigir a visão em várias distâncias, permitindo que a pessoa veja com clareza em diferentes condições de iluminação e distâncias. As lentes multifocais são a opção mais moderna para pacientes que desejam reduzir sua dependência de óculos ou lentes de contato após a cirurgia de catarata.

Lentes intraoculares multifocais acomodativas

Esse tipo de lenta tenta imitar a fisiologia e anatomia naturais do cristalino ao similar o movimento de acomodação dele, em resposta aos músculos ciliares, o que permite que o olho mude de foco em diferentes distâncias, seja perto ou longe. Essas lentes são geralmente usadas para corrigir a presbiopia, que é uma condição em que a visão para perto se torna difícil devido ao envelhecimento.

Lentes intraoculares esféricas

São lentes que possuem uma superfície arredondada e uniforme. Essas lentes são frequentemente usadas para corrigir a miopia ou a hipermetropia, mas não corrigem o astigmatismo.

Lentes intraoculares asféricas

São lentes projetadas com uma forma especial para corrigir imperfeições na córnea, melhorando a qualidade da visão em condições de pouca luz e reduzindo o brilho e o reflexo das luzes noturnas. Essas lentes são frequentemente usadas em pacientes com alto grau de miopia ou hipermetropia, ou em pacientes que desejam melhorar sua visão noturna.

Quando usar lentes intraoculares?

As lentes intraoculares são usadas para substituir a lente natural do olho, que pode estar danificada ou opaca devido a condições como catarata ou presbiopia. A cirurgia de implante de lente intraocular é uma das mais comuns realizadas em todo o mundo, e considerada uma cirurgia segura e eficaz.

Como você já viu aqui, o implante da lente intraocular é uma das principais cirurgias oftalmológicas para ampliar a qualidade de vida das pessoas que sofrem com algum problema de visão, especialmente em problemas mais sérios como a catarata. Contudo, o mais importante é entender que a decisão de quando operar a catarata com o implante das lentes intraoculares deve ser tomada em conjunto com um médico oftalmologista especializado.

O tratamento para cada paciente é individualizado e vários fatores como tipo de condição, fisiologia no sistema ocular devem ser levados em consideração ao escolher qual procedimento executar.

Quem você deve procurar para fazer a colocação de lentes intraoculares?

Se você quer saber se precisa usar lentes intraoculares e quais procedimentos deve seguir, é essencial buscar o suporte de um centro oftalmológico, como o COI.

A clínica conta com profissionais altamente qualificados, protocolos e equipamentos modernos e um ambiente acolhedor.

No COI também é possível realizar exames complementares para um diagnóstico preciso, que irão auxiliar o médico na decisão pelo melhor tratamento.

Entre em contato conosco, marque sua consulta e conte com a gente para te ajudar a enxergar o mundo com mais clareza.

Revisão médica: Dr. Celso Lopez

Médico oftalmologista

CRM 75275

Receba nossas novidades

Inscreva-se gratuitamente em nossa newsletter.

Inscrever

Ao inscrever-se você está de acordo com as Políticas de Privacidade e Termos de uso.

Posts recentes:

Cuidar da visão é essencial para manter a qualidade de vida e desempenho no ambiente

A retinopatia diabética é uma complicação ocular que afeta pessoas com diabetes. Ela ocorre devido

A catarata é uma doença ocular que afeta o cristalino, a lente natural do olho

Agende uma Consulta
Agende agora mesmo uma avaliação oftalmológica.